16.4.08

Cegueira

Hoje são 22.
Amanhã serão 23.
23 - eternidade.
23 - fossas contínuas e irracionais.
23 - depressão por hoje, por amanhã, para sempre.
23 anos - sem razões, sem objetivos.
23 - rápidos, longos e extremamente dolorosos.
Dia após dia, eu contei
23 anos.
Nada construído ou desejado.
E são 23 que chegaram inexoráveis.
23 - castigo por tudo,
por todos os que se passaram
e que eu fiquei esperando,
olhando,
mas sem ver.

Eleonora Peixoto - 16/04/1981

Amanhã seriam 50.
Aproveite sua festa, onde quer que esteja.

Mais da mãe, aqui.

Um comentário:

Anônimo disse...

nat querida, saber traduzir em palavras sentimentos é um dom, e esse certamente era um que sua m~e tinha e você herdou

beijos carinhosos