11.5.08

Guarda-eus


Me visto para dormir

como se num filme estivesse,

como se sonhos roteiros fossem,

determinado o ir e o vir.

Me visto para sair

como se na rua exaltasse,

como se as flores exalassem,

perfumado o ver e o sentir.

Me mudo para vestir

como se peças eu me tornasse,

como se cabides pendurassem,

esticado o ser e o existir.

3 comentários:

Brancaleone disse...

Guria!!
É tu na foto é?
Mas bah tchê!! é uma peticinha ainda ( novinha).
Tem ares de menina!!
às vêzes teus textos no PD te fazem mais velha...

Não fosse meu trauma por loira...


Abraços.

Nat disse...

Loira, eu? Que nada. Isso eram luzes,agora tá escuro de novo ;- )

Pô branca, não me acho tão menina assim, mas tudo bem hehehehe

Samoça disse...

Oi Nat,

Lindo, lindo!
:)

Beijo.