29.9.08

Só pra continuar na onda de telefone...

Liga, li liga, li liga, liga pra mim

Liga, li liga, li liga, liga pra mim

Garoto convencido que só anda de motão
Na hora de ligar só me liga do orelhão
Gatinho mitidinho a andar de celular
Na hora de ligar só me liga a cobrar
Não me importa, me liga como for
Se for pra formar, liga, por favor,

Liga, li liga, li liga, liga pra mim
Liga, li liga, li liga, liga pra mim

Vou ti dar uma idéia me procure no portão
Já que seu telefone só anda sem cartão
Se o seu celular só serve pra enfeitar
Vamos marcar de vez, um lugar pra se encontrar

Liga, li liga, li liga, liga pra mim
Liga, li liga, li liga, liga pra mim

obs.: grifos meus, porque a pessoa que escreveu uma letra dessas jamais teria essa, digamos, sensibilidade...

4 comentários:

rodolfo mondolfo disse...

O celular tocou de algum planeta
O sinal piscou o olho iluminado em três cores
Driblei o menino da bala para te segurar
fui de tropeção e acordei num banco de metrô
Afinal, quem me ligou?

rodolfo mondolfo disse...

eu não queria aquele calendário amarelado grudado na geladeira dizendo que o ano acabou;
eu não queria meu emprego engarrafado em ar-condicionado
eu não queria voltar para casa e recomeçar a mesma música em stand-by
eu não queria rejeitar a fumaça das minhas esperanças já gastas
eu não queira muitas coisas que agora bebo a larga
Eu não queria alguma coisa, mas já não sei mais
Meu minuto de lucidez acabou.

rodolfo mondolfo disse...

à larga
----------------------
Seu bush vai virar pó de merda na História Mundial. Lembrarão dele quando forem escarrar. Quando forem xingar um cão-viralatas. Quando lembrarem de genocídios, de prisões ilegais e de tortura. Lembrarão quando se falar de crise, de falência da seguridade social, da jogatina dos mercados e do endividamento do Estado.
Seu bush morreu, tá vivo-enterrado.
Reze para que descanse em meio às assombrações que produziu.

Anônimo disse...

Pior que esses devaneios aí, só o nick da pessoa. Dignos uns dos outro.